Olha só, moreno

Que a nossa maravilhosa Mallu nos perdoe, mas tive que usar a nossa música pra dizer que não dá mais. Eu não aguento mais ser o seu porto seguro quando você precisa e quando eu preciso o que você se torna? Não dá mais pra sair gritando pelo mundo o quanto te amo, por mais que você não acredite, ainda te amo, moreno.

Eu sei, que seu emocional é mais fodido que aquele doce de pessoa que é a sua ex, desculpa desculpa prometi que não ia falar mais dela. Mas voltando ao seu emocional fodido e a sua cabeça que é ainda mais, tu grita aos sete ventos que não ama, se apega a ninguém e que seu coração… ou melhor que coração? Mas quando terminamos e seguimos aquela vida de goles perdidos, bocas que nunca vimos antes e quem sabe alguns baseados pra você, aquele texto dizendo que a saudade esta batendo vem de alguma parte.

Assistimos ele ser digitado e apagado diversas vezes ate o orgulho passar ou a vodka bater, dessa vez eu já estou incluindo ele aqui junto com a minha promessa que se você realmente, REALMENTE, quiser melhorar e voltar o meu número é o mesmo, mas o endereço muda no final do ano, se você não corria por alguns km ate a casa do meu pai, imagina ir até outro continente.

As manhãs de domingo em algum parque, as fotos perdidas na galeria, os texto e os áudios no whats que ainda estão marcados, as camisetas perdidas no meu guarda roupa, a sensação dos seus fios enroladinhos passando pelos meus dedos… São algumas pequenas partes que sempre vou levar de você. Assim como aquela madrugada que passamos jogando nossos defeitos um pro outro, ou aquela em que você me pediu em namoro pela primeira vez, essa eu lembro ate a data. Essas não são pequenas para mim.

Posso ter me perdido um pouco, talvez muito, no que ia dizer, mas moreno esse é o meu ponto final na nossa história.

Eu sei que a amizade vai voltar como desculpa pra matar a saudade, agora cabe a você começar um novo capitulo para nós, ou deixar acabar de vez.

Se eu puder gritar mais uma vez que te amo na rua, e receber aquele seu “morena, minha pequena, te amo pra porra” embalado pela catuaba nossa de cada dia, vou ser bem feliz, mas se não puder… Minha busca pela nova felicidade continua em alguns novos copos e corpos.

E uma última coisa antes de terminar de me afundar nessa vida, deixa essa mascara de durão de lado, o seu coração para a surpresa da nação existe e se duvidar é maior que a sua cara de pau em pedir nudes.

Pia

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s