Você ainda tem a chave

Hoje ao chegar em casa, lembrei da tua existência, você deu seu jeito de residir na minha cama através da pelúcia que você me deu logo quando nosso fim estava próximo, isso é, um dos nossos fins, em cima da cama… Como se não bastasse todas as noites que passamos ali você deu seu jeito de não ir embora.  Onde será que você anda? Soube que foi viajar, conhecer o mundo, provavelmente cansou de conhecer a minha casa, afinal a graça é não saber o caminho da cozinha, certo? Vai ver dessa vez eu consiga finalmente voltar a ter relacionamentos longos, sem a tua boca pra interferir, mas não sei, você é um perigo, sempre foi.

Você é aquela pessoa que aparece em meio a calmaria da minha vida pra trazer de volta um pouco de caos, você vem com teu jeito montanha russa e faz a minha vida dar um looping, sempre foi assim, você é a constante mais inconstante de todas, quando eu penso que achei aquela, a que eu posso me doar por inteiro, você aparece e mostra que a minha doação, poderia ser maior, você retira de mim o que elas nunca conseguiram nem chegar perto. Você ganha a corrida sem nem participar da largada.

Você vem como um furacão, faz tudo sair do lugar, destrói meus relacionamentos e passa como se nada tivesse acontecido, eu já sei que você virá, mas quem disse que farei algo pra impedir? Você me faz sentir vivo, não gosto das calmarias, odeio coisas previsíveis, dormir de conchinha é ótimo! Mas todo dia, cansa, você sabe disso e faz questão de mostrar que pode me deixar acordado a noite toda ou só sossegar um pouco comigo vendo televisão. Você é um vulcão sempre ativo, nunca se sabe quando será a próxima explosão.

E como é gostoso ser bagunçado por você, sua boca me invade, tuas unhas me escalam, tuas pernas me seguram, eu não te quero ao mesmo tempo que quero, você desperta em mim emoções extremas e opostas, amo a tua vinda, odeio a tua partida.

Já tentei te fazer ficar, mas você não é de ficar, você vem, bagunça e deixa pra próxima limpar o caos deixado e eventualmente o ciclo se repete, você é infinita e inevitável, de vez em quando eu sonho que recebi uma mensagem sua ou até que você resolveu dar as caras aqui em casa. Queria te falar, que finalmente me estabeleci, conheci uma garota incrível, ela me deixa calmo e me passa segurança, tenho a sorte de um amor calmo, sem grandes riscos, mas só por precaução, vou trancar a porta do quarto quando for dormir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s