Se o mundo fosse um filme

Se o mundo fosse um filme você seria a dama e eu o vagabundo, você sempre sublime em tudo que faz, e eu sempre desleixado, sempre do meu jeito, mas dividiríamos muito além de um fio de espaguete, dividiríamos cama, quarto, casa, contas, dividiríamos tristezas e multiplicaríamos alegrias. 

Se o mundo fosse um filme toda a noite seria estrelada para você se perder na imensidão do céu enquanto eu me perco no infinito dos teus olhos que brilham mais do que qualquer estrela. Se o mundo fosse um filme, nos beijaríamos na rua em todo dia de chuva, e ele seria acompanhado por uma série à sua escolha, com pipoca de panela e manteiga derretida feita enquanto você toma banho para se esquentar, todas as noites frias seriam regadas à fondue, velas e banho de banheira e toda a lágrima sua seria sucedida por um beijo. 

Se o mundo fosse um filme, todo dia de sol seria com nós dois na piscina da sua casa ou numa praia vazia, não importa, desde que sejamos nós dois, você iria ficar numa bóia e eu iria ficar te empurrando de um canto a outro ouvindo você reclamar da vida enquanto eu viso a melhor maneira de morder a sua barriga. 

Se o mundo fosse um filme banhos não seriam desacompanhados, massagem não seria raridade, nossas bocas não estariam tão longe e o meu macarrão seria delicioso. Meu macarrão é delicioso, chega mais perto, vem ser minha dama.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s