Leia ouvindo “Then – Anne-Marie

Nós tínhamos em nossas mãos a fórmula exata para algo bom, sério. As pessoas costumavam apreciar a nossa cumplicidade, a nossa felicidade que vinha da alma mesmo… Mas de que adianta terceiros apreciarem se o mais interessado nisso não tem admiração alguma?! Você pegou toda nossa história, amassou e jogou fora. Sim, você fez exatamente isso. Enquanto tinha certeza que ao seu lado alguém faria de tudo pela sua felicidade, optou por ir atrás do incerto.

Posso dizer que o meu melhor eu fiz e disso eu saio com a consciência tranquila.

Quem te cuidou quando todos viraram as coisas? Quem lidou com a tua bebedeira naquela festa que ninguém mais aguentava sequer ouvir teu nome? Quem esteve ao seu lado quando passou por um problema de família complicado? Quem ficou noites e noites ao telefone esperando que você dormisse tranquilo ao som da minha voz? Quem segurou tua mão e te fez atravessar aquelas montanhas da vida que você tanto tinha medo de trilhar?

A minha resposta para esses questionamentos não seria a mesma que a sua. Eu era a parte sólida de um relacionamento que queria ser líquido.

Eu faria qualquer loucura de amor por ti, sério. Acho que seria capaz de pular na tua frente se visse uma bala vindo diretamente na tua direção. Loucura amar alguém mais que a si mesmo, né?! Eu não enxergava como loucura e sim como amor mesmo, já você sempre me viu como uma louca intensa e impulsiva.

Hoje você sente falta da intensidade que não existe mais na sua vida. Tudo muito supérfluo. Amores muito banais. Você até tentou encontrar alguém que te oferecesse um terço do que eu ofereci, alguém que dedicasse seus dias pela sua felicidade, pelo bem do relacionamento, alguém que te servisse como base e inspiração para a tua vida. Hoje você deita a cabeça no travesseiro e se questiona o porquê perdeu para dar valor, se questiona se eu realmente te amei, porque quem ama não vai embora, né?!

Eu fiquei do seu lado mesmo quando você me deu motivos para ir embora. Eu te amei, mas graças a você aprendi a me amar primeiro e por me amar eu não me permito ir embora de mim mesma como eu fiz quando te coloquei em primeiro lugar. Eu te amei, mas isso foi antes.

Daniele Denez