Ela é uma pessoa difícil de entender, extremamente complexa, é capaz de em uma frase misturar diversas gírias e mesmo assim permanecer com uma classe que só ela é capaz de ter. Irá constantemente lhe chamar de chato, idiota, trouxa, otário e diversos outros nomes pejorativos, mas ela irá dizer isso com um sorriso no rosto. Ela também dirá que te odeia e talvez nesse caso o sorriso não acompanhe, mas ela provavelmente estará brincando, assim espero. Ela irá sorrir com certa frequência, principalmente se ela gostar de você, o caminho para o seu coração, começa pelo sorriso. E se um dia o sorriso dela desaparecer, meu amigo, você a perdeu e ela não é qualquer uma, ela é ela.

Ela é articulada, consegue em questão de segundos formular um argumento que irá te deixar mudo caso vocês discutam, caso ela não tenha argumentos, ela tem outros meios para te calar. Eu já disse, ela é capaz de convencer um vegetariano a ir em uma churrascaria. Ela tem uma capacidade particular de te convencer, principalmente se ela estiver obstinada, certa vez saí da cama porque ela ouviu um barulho estranho na cozinha, era a torneira gotejando. Ela tem medo de baratas e pavor de diversos tipos de inseto, não entende a utilidade de grilos, gafanhotos, lagartixas e lagartas, por sinal, ela provavelmente se arrepiou ao lembrar de cada um desses insetos. Nem preciso falar sobre ratos né ?

Ela não sabe lidar com surpresas e demonstrações de afeto, fica sem graça com elogios ou declarações ao pé do ouvido, irá ficar rindo igual uma idiota quando receber cartas ou flores e por falta de palavras irá te abraçar. Por mais que ela tente ser durona, seu coração é mole, reclama caso você seja grude demais, mas não hesitará duas vezes em te usar como travesseiro para dormir. Ela gosta de dormir agarrada em algo. Ela ronca, ela se mexe muito, ela não sabe dividir coberta e cama, dormir ao lado dela é um tormento, por falta de espaço e porque ela estará ao seu lado provavelmente de calcinha. Ela não dorme com shorts ou calças. Inclusive no frio. Ela costuma acordar de mau-humor, então evite muito contato durante os 15 minutos iniciais do dia, se você tiver que acordá-la, faça isso à distância.

Ela não gosta de ficar presa, adora a sensação de liberdade, odeia cobranças desnecessárias e desconfiança. Se ela confia, você deveria confiar. Não foi feita para a cidade, talvez fora feita para a praia, mas ela combina mesmo é com o branco do meu lençol. Devora séries como um viciado devora chocolate. Para agradá-la  não é preciso de muito, se satisfaz com coisas simples como bisnaguinha com Nutella ou uma colher de doce de leite, morango com chocolate também é uma boa pedida.  Ao mesmo tempo que ela ama ficar abraçada por longos períodos de tempo, ela odeia ficar parada, algo que desafia a compreensão humana, mas acredite, ela dará seu jeito de não ficar parada e permanecer sob seus braços.

Ela não faz o tipo ciumenta, mas odiará todas as suas ex, essencialmente porque isso faz parte da natureza dela, suas ex não irão muito com a cara dela também. Não a irrite, pior que as suas respostas atravessadas são os olhares que ela lançará em você, tão frios que seu estômago irá congelar. Ela pode até te expulsar da cama, mas a sua bipolaridade fará ela te buscar no meio da noite, por volta das 3 da manhã para ser mais sincero. Ela quer conhecer o mundo, mas tem preguiça de sair de casa, troca baladas por Netflix dependendo da noite, mas se ela quiser fazer algo, ela fará, com ou sem você. Ela não é muito de dar satisfação, ela vai lá e faz.

Ela é folgada, já saí da cama às 3 da manhã para buscá-la em outra cidade, se irrita se as coisas não são feitas do seu jeito e não tem paciência pra enrolação, mas em troca irá será fiel à você em toda e qualquer situação. Na verdade ela será fiel mesmo se você não fizer nada disso, mas não deixe ela saber que você sabe disso. Tem um ponto de vista diferenciado, sempre levando toda a situação em consideração, também tem uma leve capacidade de te manipular, você fará coisas por ela sem nem saber que está fazendo.

Ela é o caos, ela é a serenidade. Ela é tanta coisa que tive que dividí-la em vários textos. #umquartodepalavras #ela

A post shared by umquartodepalavras (@umquartodepalavras) on

Ela é indecisa, irá te perguntar antes de cada decisão que for tomar, seja algo importante como escolher um prato no restaurante ou sem muito valor como em quem votar para presidente, ela tem essa noção de valores invertida, principalmente quando se trata de comida. Ela pedirá sua opinião na escolha da roupa, mas nunca optará pela roupa que você escolher, ela presume que como você não entende nada de moda, sua escolha será errada. Ela está certa provavelmente.

Ela irá demorar para se arrumar, essencialmente na hora de escolher roupa, ela dirá que não tem nada para usar com um guarda roupa cheio. Não sai de casa sem rímel e celular com no mínimo 40% de bateria, irá ditar as músicas que tocam no carro e te surpreenderá com o seu ecletismo musical. Ela não pede batatas, mas nem hesita para beliscar as suas. Ela odeia beliscões. Ela não gosta de dividir comida, se você quiser, que vá fazer. Ela irá fazer graça com você, irá bancar a autoritária, mas se desmontará com um beijo bem dado.

Ela não entende muito de futebol, mas ficará feliz se o seu time ganhar, apenas porque você está feliz, ela gosta de te ver feliz, mas também gosta de te fazer sofrer, ela é o capeta, principalmente em lugares em que ela não deveria ser, te arranhará sob a mesa do bar, te mandará mensagens que tiraram seu sono e não te deixará dormir cedo. Sua boca distribui beijos, mordidas e chupões pelo teu corpo, sua unha acaricia e arranha e seus olhos, seus olhos são all concourSeu toque é leve como uma pluma ao mesmo tempo que é marcante, sua risada é uma sinfonia e sua voz é meio esganiçada.

Ela não é perfeita e nem poderia ser, caso contrário não seria ela. Ela é toda errada, anda de um jeito engraçado, vive com o nariz entupido, não sabe correr, não consegue deixar o farelo cair só no prato, é meio bipolar e às vezes fala demais. Mas são essas coisas que fazem ela ser ela. Ela é o caos, ela é a serenidade, ela é tanta coisa, que tive que dividí-la em diversos textos. Ela é ela. E eu a amo.

Bruno Amador – clique para me conhecer melhor

Curta nossa página ! E se você tiver um nos siga no tumblr !

Também estou no Instagram e no Snapchat como @brunoamador

Bruno Amador